whatsapp
Notícias /
Quarta, 05 de dezembro de 2018, 11h21
| Tamanho do texto A- A+

Vendedores ambulantes irregulares estão sendo retirados do centro da cidade após reunião com a classe empresarial

Assessoria de Imprensa

CDL Cuiabá

 

Conforme acordado com a classe empresarial em reunião recente na Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL Cuiabá), o prefeito Emanuel Pinheiro determinou a retirada dos vendedores ambulantes do Centro da cidade. O trabalho já está sendo realizado pela equipe de fiscais da Secretaria Municipal de Ordem Pública (SORP).

Estão envolvidas nesta ação, além da Policia Militar, as secretarias de Mobilidade Urbana, de Agricultura, Trabalho, e Desenvolvimento Econômico, além da Vigilância Sanitária. “Estão sendo retirados todos os vendedores ambulantes que estão ocupando de forma desordenada e irregular ruas e calçadas do Centro Histórico. O objetivo dessa operação é combater a comercialização ilegal de ‘produtos piratas’”, afirmou o secretário municipal de Ordem Pública, coronel Leovaldo Sales.

De acordo com a SORP ainda, ações fiscalizadoras do Plano de Operação estão sendo executadas por trinta agentes da secretaria, divididos em duas equipes. “Os agentes fiscais irão percorrer o perímetro de atuação conforme escala de serviço e, se constatada alguma irregularidade, farão a identificação do infrator mediante lavratura do auto de infração”, explicou Sales, que informou ainda, que o vendedor ambulante, bem como os produtos apreendidos serão encaminhados à Delegacia de Defesa do Consumidor (DECON) para os procedimentos legais visando apurar as devidas responsabilidades. “A pessoa tem dez dias para recorrer e provar a autenticidade por meio de notas fiscais para receber os produtos de volta. Caso contrário, as mercadorias poderão ser colocadas para doação, leilão ou incineração, vai depender da autoridade policial”.

Segundo o secretário da SORP ainda, os fiscais irão trabalhar de forma permanente na região. “A presença deles será percebida diariamente pelos comerciantes e pela população”, garantiu ele.

Para o presidente da CDL Cuiabá, Nelson Soares Junior, este problema era antigo e há tempos os empresários da capital aguardavam alguma ação da Prefeitura neste sentido. “Finalmente estamos tendo uma resposta a essa situação que incomodava há muito tempo, não só os lojistas que eram prejudicados com esses vendedores nas portas das suas lojas, muitas vezes atrapalhando a visibilidade de suas vitrines, mas também, o próprio cidadão que necessitava passar pelas calçadas e tinha dificuldade por falta de espaço”, falou ele.

Crédito foto: Luiz Alves

 

PARCEIROS

CDL Cuiabá © 2016 - Todos os direitos reservados - (65) 3615-1500

Sistema CNDL